000primeira
020opiniao
030local
050desporto
070actual
081jete
090cambios
091tempo
092ultima


 



 
  N°3687 (Nova Série), Quinta-Feira, 24 de Fevereiro de 2011
Deu entrevistas entre escombros e foi salva

É um dos nomes mais famosos do momento: Ann Voss. Esta australiana ficou soterrada após o sismo que abalou Christchurch na terça-feira e usou a telemóvel para falar com a família e dar entrevistas às televisões. Entretanto, foi salva

Estou apertada aqui em baixo, não consigo mexer-me”, afirmou Ann Voss, explicando que quando sentiu o tremor de terra se escondeu debaixo de uma mesa, sobre a qual o tecto do edifício onde trabalhava, o Pyne Gould Guinness, acabou por desabar.
Esta sobrevivente mostrou-se calma nas conversas que teve com os jornalistas da 7News e da 3News, mas descreveu a sua situação como “absolutamente aterrorizante”.
“Há pouco tempo pensei que tinha chegado ao limite, que era ‘adeus Ann’, mas consegui mexer-me um pouco e respirar melhor, porque não estava a conseguir respirar, não tinha ar”, disse Voss. “Agora tenho um pouco mais de ar, estou mais contente”, acrescentou.
Ann Voss explicou que já tinha falado com a filha. “A minha filha estava a chorar, eu estava a chorar, porque realmente pensei que tinha acabado ali. Mas é preciso dizer-lhes que os amamos, não?”, disse. No telemóvel do filho deixou um SMS: “Olá Rob, é a mãe. Houve um tremor de terra. Estou presa debaixo de uma mesa. Acho que não me vou safar”.
Enganou-se. Anna Voss acabou por ser resgatada pelas equipas de salvamento, tendo sido levada para o hospital, onde se encontra a recuperar.

 


 [Alto] [Anterior] [Voltar] [Próximo]




HOME  .  E-MAIL  .  FICHA TÉCNICA  .  EDIÇÕES ANTERIORES  .  PUBLICIDADE  .  PRIMEIRA

Copyright (c) Jornal Tribuna de Macau, All rights reserved
Design and maintainence by Directel Macau Ltd