000primeira
020opiniao
030local
050desporto
070actual
081jete
090cambios
091tempo
092ultima


 



 
  N°3639 (Nova Série), Segunda-Feira, 20 de Dezembro de 2010
BENFICA, 5 – RIO AVE, 2
“Chapa cinco”
com selo argentino

O Benfica venceu o Rio Ave por 5-2, em jogo da 14ª jornada da Liga portuguesa de futebol, no qual só sentiu algumas dificuldades quando resolveu “tirar o pé do acelerador”

Tal como fez durante a época passada, o campeão nacional entrou a impor um ritmo muito forte, que se traduziu em dois golos em apenas oito minutos, os quais pareciam suficientes para resolver a partida.
Sem tirar mérito à entrada contundente do Benfica, cuja pressão a defesa do Rio Ave se revelou incapaz de contrariar, a verdade é que esta demorou uma eternidade a encaixar na dinâmica ofensiva dos encarnados.
Aos 08 minutos já o Benfica vencia por 2-0, através de golos de Aimar (05) e Saviola (08), face a uma defesa do Rio Ave “dura de rins” e uma linha médio muito rígida do ponto de vista táctico. E só não eram 3-0 porque aos 07 Saviola, em posição de fora de jogo, resolveu tocar na bola cabeceada por Salvio que ia entrar na baliza de Paulo Santos.
O Rio Ave reentrou na discussão do jogo à beira do intervalo, quando João Tomás reduziu para 2-1, numa transição rápida que apanhou a defesa lisboeta descompensada pela subida de Fábio Coentrão.
Na segunda parte, sentindo o perigo, o Benfica voltou a assumir as rédeas do jogo e a impor mais intensidade, com expressão imediata no terceiro golo, marcado aos 52 minutos por Saviola, a culminar uma aceleração de Salvio que deixou toda a defesa do Rio Ave batida.
Aos 62 minutos, Gaitán “explodiu” no flanco esquerdo, passou por Zé Gomes como quis e cruzou para o segundo poste, onde Salvio assinou o quarto golo.
João Tomás fez o seu segundo golo aos 71 minutos, numa grande penalidade muito discutível, mas Salvio bisou aos 74 para o 5-2, a culminar um jogo que o Benfica venceu como e quando quis, perante um Rio Ave com muitas deficiências defensivas e algumas virtudes ofensivas.
Os “encarnados”, actualmente em segundo lugar, recolocaram-se provisoriamente a cinco pontos dos “dragões”, que visitaram esta madrugada (horário de Macau) o Paços de Ferreira.
JTM/Lusa


 [Alto] [Anterior] [Voltar] [Próximo]




HOME  .  E-MAIL  .  FICHA TÉCNICA  .  EDIÇÕES ANTERIORES  .  PUBLICIDADE  .  PRIMEIRA

Copyright (c) Jornal Tribuna de Macau, All rights reserved
Design and maintainence by Directel Macau Ltd