000primeira
010especial
020opiniao
030local
050desporto
070actual
081jete
090cambios
091tempo
092ultima


 



 
  N°3389 (Nova Série), Sexta-Feira, 19 de Fevereiro de 2010
Ecos do Fai Chi Kei escutados em Portugal

É uma decisão que está a cruzar oceanos. Vários jornais internacionais têm publicado textos sobre a demolição — já confirmada - do Bairro Social do Fai Chi Kei, o semanário “Europe Weekly Portugal” é um deles

Numa altura em que já faltam poucas semana para a anunciada mudança dos moradores do Bairro Social do Fai Chi Kei e posterior demolição, o projecto de Manuel Vicente continua a não ser esquecido pela imprensa de diferentes partes do mundo. O semanário em língua chinesa “Europe Weekly Portugal”, sediado em Lisboa, relembrou o assunto e publicou um texto no mês passado.
A publicação também conhecida pelos imigrantes chineses em Portugal como o “Semanário Chinês de Portugal” referiu no artigo a questão da “demolição”, falando mesmo em “crise”. No texto, o semanário aponta aquele bairro como “património arquitectónico chinês”, tratando-se de uma “peça premiada pela ARCASIA”. A intenção de demolir, salienta o jornal — tal como já foi veiculado no JTM -, ganhou a “oposição de vários arquitectos da China e Portugal”.
O texto sublinha ainda a “significância [daqueles edifícios] na História da arquitectura”. O semanário citou também o apelo da Associação dos Arquitectos de Macau e dos arquitectos José Maneiras e Carlos Marreios, entre outros, para a reabilitação do local ao invés da demolição.
Este assunto já deu aso a muitas declarações e artigos de jornais não só de língua portuguesa, mas também de língua chinesa, nomeadamente no OuMun e no Va kio. Mas a demolição já cruzou outros oceanos, um jornal brasileiro em chinês, “Americana”, também já publicou um texto sobre a decisão do Instituto de Habitação relativamente ao destino do actual Bairro Social do Fai Chi Kei.


 [Alto] [Anterior] [Voltar] [Próximo]




HOME  .  E-MAIL  .  FICHA TÉCNICA  .  EDIÇÕES ANTERIORES  .  PUBLICIDADE  .  PRIMEIRA

Copyright (c) Jornal Tribuna de Macau, All rights reserved
Design and maintainence by Directel Macau Ltd